Revista

Revista de fotografia "Say Cheese"
Sócios:
Cátia Ferreira
Homero Correia
Isabel Vasconcelos
Marina Duarte


1. Objectivo
Queremos recolher ideias para assuntos e fotos interessantes para enriquecer a nossa revista. A Wiki Colaborativa vai servir para recolher sugestões de temas e fotos e ajudar a decidir a capa de cada edição, a partir de várias propostas. Pretendemos, ainda, aumentar a base de dados de leitores.

2. Plano de acção
- Um video-in-print na revista com anúncio a apelar à participação.
- Divulgação do vídeo no site e na Intranet da revista, bem como no Facebook e YouTube.
- Votação da capa e envio de fotos e conteúdos através do site, após registo obrigatório dos participantes.
- Contactar marcas de máquinas fotográficas e empresas de impressão de fotos on-line para colaborarem connosco. Disponibilizamos espaço na revista (2 páginas) para artigo sobre novidades em troca de aparelhos ou impressões gratuitas para oferecer a quem veja a sua ideia ou conteúdo publicado.
- Acção “seja editor da “Say Cheese” por um dia”: dar oportunidade a alguns vencedores dos concursos ou celebridades de decidir conteúdos a publicar em certo mês.

3. Quem participa
Colaboradores internos da revista, público em geral, marcas de máquinas fotográficas e sites de impressão de fotos on-line

4. “Say Cheese” no Second Life
Criar e publicar a revista apenas com conteúdos relacionados com o Second Life (SL). Para tal, será criado um espaço no SL para servir de sede da revista. Apelar à participação de avatares e recompensar com um estágio na revista virtual. Contratar avatares que traduzam alguns dos conteúdos para inglês, de modo a tornar a revista mais internacional.

5. Estratégia de marketing
Produto
Revista de fotografia com conteúdos próprios e fornecidos por leitores.

Distribuição
- Revista em papel, nas bancas, e em PDF, no site. Também existe no SL com conteúdos específicos desta rede.
- Colocação de expositores em lojas de revelação fotográfica e de venda de equipamento fotográfico. Estratégia idêntica será seguida no SL, pressupondo a existência das grandes marcas nesta rede.
- Venda da revista na secção específica de grandes superfícies comerciais (hipermercados, Fnac e Worten), papelarias (Presselinha e Noticiário) e quiosques. Mais uma vez, procedimento idêntico será seguido no SL.

Promoção
Como referido acima, divulgação de vídeo (na revista e não só) a apelar à participação. Referir, no SL, a existência da revista no mundo real e colocar link para site. Apresentar os resultados da votação das capas (real e SL) em directo no site e no SL.

Preço
Revista em papel um pouco mais cara do que versão existente no site. Possibilidade de comprar a revista no SL.

Projecto CRM Revista “Say Cheese”

Objectivo do projecto de CRM da empresa:
Perceber as preferências dos clientes ao nível dos conteúdos e elaborar a revista com base nessa informção. Obter dados úteis para os parceiros económicos/patrocinadores.

Etapas da incorporação do cliente
1 - Identificar o cliente:
Através do registo on-line no site da revista.
- Identificação geral
- Nível de conhecimento fotográfico
- Motivação para comprar a revista/ expectativas
- Material fotográfico que utiliza

2 - Categorização do cliente:
- Distinguir os leitores consoante o nível de experiência, as expectativas e o material que utilizam
- Distinguir também consoante o grau de envolvimento com a revista (por exemplo, se participam muito nos concursos, enviam muitas sugestões, são leitores activos e sugerem melhorias e conteúdos)

3 - Interagir com o cliente:
- envio de newsletter
- através da localização geográfica dos leitores, envio de convites para feiras e exposições que se situem perto da sua área de residência
- envio de convites para concursos
- Envio de e-card no aniversário com um voucher oferecido pelos patrocinadores (por exemplo, um desconto na revelação das fotografias do aniversário)
- Avisar quando os conteúdos sugeridos pelo leitor vão ser publicados (o leitor pode, inclusive, alertar os amigos para este facto e até sugerir que comprem o número da revista)

4 - Adaptação:
- Garantir que os conteúdos sugeridos e enviados pelos leitores são uma percentagem da revista. É preciso certificarmo-nos que cumprimos esta “quota” para não defraudar expectativas.
- Garantir que os envios dos convites são feitos com a antecedência necessária, para que os leitores se possam inscrever a tempo ou para que não percam exposições por terem sido avisados muito em cima da hora.
- Certificarmo-nos que avisamos com antecedência os leitores quando os conteúdos sugeridos por eles estão prestes a ser publicados.

Quais as tecnologias de informação que serão utilizadas?
Data Warehouse, data mining, podemos ter um contact center para tratar das subscrições da revista, por exemplo.

Como responder aos Factores Críticos de Sucesso – Quais são críticos para o negócio e como responder a cada um deles? (plano de acção)
- Recolher, manter e analisar as informações dos clientes
- Segmentar a base de clientes
- Incentivar a comunicação com o cliente
- Alinhar os objectivos e visão da corporação com a estratégia de CRM, centrando no conhecimento sobre o cliente

Como implementar na empresa mCRM, eCRM e Social CRM?
mCRM – As plataformas móveis, quer através da Internet wireless ou do telemóvel/ PDA´s são pontos importantes da nossa estratégia de CRN. Por exemplo, através do nº de telemóvel dos leitores poderemos enviar SMS e/ou MMS: dando ao leitor os parabéns com algum tipo de oferta, oferecendo convites e/ou alertas para exposições, concursos, tudo relacionado com a área da fotografia. As informações enviadas respeitantes a exposições, feiras etc. são enviadas a segmentos da nossa base de dados de leitores/clientes, consoante a área de residência do colaborador. Os leitores poderão aceder ao nosso site e à sua área a qualquer momento e em qualquer local, desde que tenham internet móvel (quer seja num portátil quer num telemóvel).

eCRM – os contactos de e com os leitores são feitos através do site onde, além de enviarem conteúdos e votar nas capas, podem esclarecer, on-line, dúvidas sobre a utilização do site ou uma funcionalidade das máquinas que tivesse sido explicada na revista. Por outro lado, o leitor tem a possibilidade de, via site, alterar os seus conteúdos enviados (acrescentar ou sugerir uma foto, por exemplo)

social CRM – os leitores poderem contactar-nos através do telemóvel, para perguntar a nossa opinião sobre uma máquina fotográfica, lente ou um serviço de fotografia. Apresentação de novidades sobre produtos ou funcionalidades via site e com exibição também no Second Life.

NOTA: Para todos estas acções funcionarem em pleno é fundamental ter uma boa base de dados que nos permita trabalhar a informação por segmentos (grupos de consumidores homogéneos).

Como o e-business afecta a nossa revista?
Grande parte das ideias e conceitos da nossa revista dependem da Net. Através de B2B iremos estabelecer protocolos com marcas de máquinas e lojas de impressão on-line. Estas fornecem-nos produtos ou serviços em troca de divulgação na revista. O B2C permite-nos contactar com os nossos clientes, vendendo-lhes a nossa revista via Net, em PDF. As plataformas de B2E, ligadas na Intranet da revista, permitem gerir os procedimentos dos colaboradores da empresa no que toca a marcação de férias, comunicação de novidades e outras informações importantes.

O e-business é essencial, hoje em dia, para qualquer empresa/marca alcançar uma maior notoriedade. Sendo o nosso objectivo vender revistas, procurando sempre uma grande colaboração por parte de quem a lê (daí os leitores da Say Cheese serem co-produtores de valor para a marca), ter um site funcional e actualizado é fundamental para conseguirmos uma maior divulgação do nosso produto e, como consequência, aumentar exponencialmente as vendas.


Contributos dos Colegas (Universidade)

Parece-me um projecto bastante engraçado e bem pensado. Penso que era viável terem uma parceria com a nossa Universidade :) Esta poderia ser traduzida da seguinte forma:

- Nós faziamos promoção da revista na nossa Universidade tentando sempre angariar-vos "clientes"
- Vocês promoviam os nossos cursos assim como o nosso conceito

Poderiamos até pensar em oferecer um curso em fotografia em que os trabalhos desenvolvidos seriam para a revista. Esta parceria podia ser traduzida quer na "first" como Second Life.

O que dizem? :) (Helena Cardoso)

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License